Quinta, 08 Novembro 2018 15:54

ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO AXIOMAS PARA RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS

Escrito por

Hoje compartilharei uma dica sobre como resolver problemas que publiquei na lista PUC-RIO.

Aqui vão os 3 axiomas que eu costumo usar para resolver problemas:

1. Eu sou burro mas não sou cego.

2. Se podemos simplificar, não devemos complicar.

3. Tubarão que nao nada morre de fome.

 O axioma 1 que dizer o seguinte:

- Leia com atenção o enunciado;

- Use todos os dados fornecidos;

- Verifique cada passagem da sua solução, pois uma boa ideia pode ser descartada por causa de um erro bobo de conta ou lógica.

O axioma 2 diz que se a sua (tentativa de) solução já ocupa 8 páginas, e tudo o que você obteve foi uma equação do 17º grau em 11 variáveis (ou algo do gênero), então é virtualmente certo que você tomou o caminho errado, ou seja, em algum ponto você introduziu alguma complicação desnecessária. Pode apostar que há uma solução mais simples e que passa por uma aplicação mais cuidadosa do axioma no. 1.

O axioma 3 é especialmente útil em provas. Ele diz que você deve ler TODAS as questões antes de se concentrar em alguma, e só então começar a resolvê-las. Pode crer: esses vão ser 5 minutos muito bem empregados.

Depois disso, comece pelas que pareceram mais fáceis na leitura preliminar.

Se empacar em alguma, passe pra seguinte. Já há muitas histórias tristes de alunos que tiraram zero por passarem todo o tempo da prova tentando fazer sem sucesso uma dada questão, quando tinham condição de tirar 5, 6 ou até mais se tentassem primeiro fazer as questões mais fáceis.

Fora das provas, se você estiver trabalhando em algum problema sem chegar a lugar algum, então vá fazer alguma outra coisa, nem que seja tentar um outro problema. Lembre-se que o seu subconsciente continua trabalhando sem você perceber. Às vezes, uma boa noite de sono é tudo o que você precisa para enxergar uma solução. E eu falo isso por experiência própria!

Ler 159 vezes Última modificação em Sexta, 09 Novembro 2018 16:08

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.